sábado, 22 de junho de 2013

21 de junho de 1968: A sexta-feira sangrenta

21/06/2013 - 11:09 | Enviado por: Lucyanne Mano


O que era uma passeata estudantil, se transformou em uma batalha a bala, cassetetes e pedras, entre estudantes e a Polícia Militar. Com a Avenida Rio Branco interditada, milhares de pessoas foram atraídas às janelas dos edifícios. Esses espectadores, em repúdio à repressão da manifestação, lançaram um mundo de coisas contra os policiais.

O Centro do da Cidade foi paralisado ao meio-dia, permanecendo assim por seis horas. Ao final, um policial foi morto e presumivelmente, dois civis. Cerca de 80 pessoas ficaram feridas e mais de mil prisões foram efetuadas.

Para continuar lendo clique aqui.
Fonte:JBlog

Nenhum comentário: