quarta-feira, 6 de agosto de 2014

UPF busca otimizar a supervisão de estágio nos cursos de licenciatura

Foto: Carla Vailatti
A vice-reitora de Graduação Rosani Sgari participou da reunião desta terça-feira, 05 de agosto
Os professores que integram a Área de Prática de Ensino e Estágios da Universidade de Passo Fundo (UPF) se reuniram na tarde de 05 de agosto, em atividade que marcou o início do segundo semestre de 2014. A vice-reitora de Graduação Rosani Sgari e o vice-reitor Administrativo Agenor Dias de Meira Junior participaram do encontro, que discutiu a importância do professor orientador de estágios nos cursos de licenciatura, além de aspectos práticos, como documentação e logística. A atividade foi conduzida pela coordenadora da Área de Prática de Ensino e Estágios Rosane Rigo De Marco, com a participação da coordenadora do Setor de Estágios Luciane Sturm e do executivo Administrativo-Financeiro da Vice-Reitoria Administrativa José Luís de Freitas.

A professora Rosani destacou que a UPF, na contramão de outras Instituições de Ensino do Estado, mantém a prática da supervisão de estágio in loco. “Consideramos fundamental que o orientador vá até o local de estágio para acompanhar o trabalho do professor em formação. Sabemos da diferença que isso significa para a escola, para os alunos, professores e comunidade”, avaliou. A vice-reitora de Graduação também evidenciou que essa prática precisa se manter em sintonia com três aspectos: a excelência acadêmica, a sustentabilidade acadêmico-financeira e a responsabilidade social.

A UPF possui 12 cursos de licenciatura e, no primeiro semestre do ano, mais de 200 acadêmicos realizaram estágios em escolas de aproximadamente 60 municípios da região. Uma das discussões foi no sentido de integrar a programação de cada curso, a fim de otimizar o deslocamento dos professores até essas escolas.

Para a professora Rosane, ao acompanhar o estágio, os docentes são responsáveis pela articulação entre a UPF e as escolas.
 


Nenhum comentário: