sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Riqueza histórica do Cemitério Vera Cruz é evidenciada em Guia de Visitação

Com mais de 100 anos, o Cemitério Vera Cruz reflete história e cultura de Passo Fundo, e agora possui um Guia de Visitação distribuído gratuitamente

Foto: Carla Vailatti
A coordenadora do AHR, Dra. Gizele Zanotto, anunciou a realização de oficinas para a formação de guias de visitação ao Cemitério Vera Cruz
Uma iniciativa do Instituto Histórico de Passo Fundo (IHPF) e do Arquivo Histórico Regional da Universidade de Passo Fundo (AHR/UPF) mostra que os cemitérios podem ter muitos significados além de tristeza e saudade. Na noite de quinta-feira, 30 de outubro, essas instituições lançaram o Guia de Visitação do Cemitério Vera Cruz, de Passo Fundo. O evento ocorreu na Academia Passo-Fundense de Letras e reuniu autoridades, estudantes e representantes da comunidade com interesse na temática. O guia será distribuído gratuitamente e propõe um novo olhar para o local, uma vez que o Cemitério Vera Cruz concentra amplo patrimônio histórico e artístico.

Personagens da história de Passo Fundo, como Coronel Chicuta, Lalau Miranda, Coronel Lolico, Adão e Ana Schel e Wolmar Salton, estão representados no Cemitério Vera Cruz por meio de suas sepulturas. O presidente do IHPF, Fernando Miranda, considera o local um museu a céu aberto. “Por meio das construções e obras de arte, é possível saber como os passo-fundenses lidavam com a morte, sua situação econômica e política, religiosidade e etnias, entre outros aspectos”, explica. Miranda destaca a riqueza das obras de arte encontradas no Cemitério, principalmente as estátuas de mármore, granito e bronze.

A coordenadora do AHR, Dra. Gizele Zanotto, explicou que o Guia de Visitação estimula uma cultura de valorização histórico-cultural no município, e fez um anúncio importante. “No ano que vem, os cursos de História, Arquitetura e Urbanismo e Artes Visuais, projeto Momento Patrimônio, IHPF e AHR irão promover oficinas para a formação de guias de visitação do Cemitério Vera Cruz. Dessa forma, os interessados podem realizar uma  visitação que traz conhecimento sobre a história local”, afirmou.

O prefeito Luciano Azevedo participou do lançamento e ressaltou a importância da iniciativa. “Em um primeiro olhar, o Guia parece simples, mas tenho certeza que ficará na história pela sua proposta inédita. Nossa história merece ser resgatada e revisitada”, considerou.
O presidente da Liga de Defesa Nacional, Gilmar Teixeira Lopes, entregou aos representantes do IHPF e do AHR placas que marcam o reconhecimento a essas instituições pela dedicação na preservação e divulgação da história do município.

Palestra
Após o lançamento, a professora da UPF e secretária de Planejamento de Passo Fundo Me. Ana Paula Wickert proferiu palestra que evidenciou a história da humanidade por meio de lápides, sepulturas e outros monumentos erguidos em homenagem aos mortos. De acordo com a pesquisadora, a arquitetura nasceu da necessidade de um local fixo para enterrar os mortos. “Antes de construírem residências, os homens pré-históricos já construíam túmulos”, afirmou. A professora destacou que hoje as sepulturas são mais impessoais, por isso nosso olhar se volta, cada vez mais, às construções do passado, pela riqueza de informações que trazem. “É nossa obrigação manter e valorizar esse patrimônio”, acredita.


O guia
Em formato de folder, o Guia de Visitação do Cemitério Vera Cruz propõe um trajeto, que leva o visitante às principais sepulturas históricas, além de contemplar um mapa geral e fotos de estátuas e monumentos. Um breve histórico do cemitério também integra o material. O Guia está disponível na Administração do Cemitério, Secretaria de Turismo e AHR, entre outros locais relacionados à cultura e história. O material está disponível online, no site www.upf.br/ahr, e será distribuído aos visitantes do Cemitério Vera Cruz neste domingo, 02 de novembro.



Nenhum comentário: